A Companhias Aéreas de Latam O Brasil assinou um contrato de codeshare com linhas Aéreas Delta, deverá entrar em vigor no primeiro semestre de 2020. O acordo está sujeito à aprovação dos órgãos reguladores.

O Grupo Latam Airlines já firmou acordos de compartilhamento de código com a Delta e as subsidiárias Latam Peru, Latam Colômbia e Latam Equador.

A Latam decidiu manter a suspensão dos voos no aeroporto de Bauru-Arealva até o mês de maio - Foto: Latam / Divulgação A Latam decidiu manter a suspensão dos voos no aeroporto de Bauru-Arealva até o mês de maio - Foto: Latam / Divulgação

A Latam decidiu manter a suspensão dos voos no aeroporto de Bauru-Arealva até o mês de maio – Foto: Latam / Divulgação

A empresa também informou que começou a vender passagens para os voos da Delta com a Latam Peru (operada a partir de 29 de março) e com a Latam Equador (a partir de 15 de março) na quinta-feira, oferecendo mais a 74 destinos nos Estados Unidos e Canadá.

Os passageiros da Delta também podem comprar passagens de codeshare com afiliadas da América Latina no Peru, Equador e Colômbia para 51 destinos na América do Sul.

Os acordos de compartilhamento de ações fazem parte de Delta adquiriu 20% da América Latina, anunciado em setembro do ano passado. O acordo com a operação da América Latina no Chile ainda precisa ser fechado.

Latam e Delta também disseram que na quinta-feira assinaram um acordo bilateral para compartilhar os benefícios dos programas de passageiro frequente para os clientes das duas empresas.

Assim, os clientes do Latam Pass poderão acumular e resgatar pontos nos voos da Delta para mais de 300 destinos em todo o mundo, e a Delta Skymiles poderá acumular e resgatar pontos nos voos da Latam para 145 destinos em 26 países em cinco continentes.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here