O mercado acionário brasileiro disparou na abertura dos negócios hoje, subindo acima de 15%, um dia depois recolher e interromper os negócios duas vezes na mesma sessão. Mas o avanço diminuiu pouco depois, para cerca de 5%.

Por volta das 11h, o Ibovespa, principal índice da bolsa de valores brasileira, operou com alta de 5,13%, para 76.303,66 pontos. Ontem, ele fechou em 14,78%, a 72.582,53 pontos. A queda acentuada provocou o "disjuntor", mecanismo automático que interrompe temporariamente os negócios em casos de grande instabilidade do mercado.

Ao mesmo tempo, o dólar comercial caiu 1,44% para R $ 4.717 na venda. Na véspera, encerrou alta de 1,38% a R $ 4,786, maior valor nominal (sem considerar a inflação) do fechamento desde a criação do Plano Real.

As quedas sucessivas nos mercados desta semana deram um trégua hoje, com as bolsas da Europa e dos Estados Unidos negociando acentuadamente mais, em meio a ações dos bancos centrais para tentar conter os efeitos do novo coronavírus na economia mundial.

O valor do dólar divulgado diariamente pela imprensa, incluindo o Twitter, refere-se ao dólar comercial. Para quem viaja e precisa comprar moeda em corretores de câmbio, o valor é muito maior.

Mercado monitora medidas de emergência no Brasil

O mercado reage a medidas para estimular a economia a combater a crise que tem como pano de fundo a pandemia de coronavírus. Ontem à noite, o governo brasileiro anunciou o antecipação do 13º salário para aposentados e pensionistas INSS, que deve injetar R $ 23 bilhões na economia. O Ministério da Economia também declarou que proporá ao Conselho Nacional de Seguridade Social (CNPS) reduzir o limite de taxa de juros para empréstimos deduzidos da folha de pagamento dos beneficiários do INSS.

Hoje, as declarações do ministro Paulo Guedes aumentaram a expectativa de novas medidas nos próximos dias. Guedes não descartou a liberação de novos saques do FGTS e atrasou o pagamento de impostos na folha de pagamento para dar fôlego às empresas.

Na mesa da equipe econômica também está a análise do que pode ser feito em relação aos recursos não retirados do Pis / Pasep.
Segundo o ministro, as soluções em questão não ameaçam a busca de equilíbrio fiscal.

O ministro lembrou ainda que as iniciativas virão após o apelo do prefeito Rodrigo Maia (DEM-RJ) para que a equipe econômica reaja aos desafios colocados pelo surto de coronavírus, mas é necessário que o Congresso considere também reformas . que já foram enviadas pelo executivo.

Ação BC

O Banco Central do Brasil usará hoje uma terceira ferramenta de intervenção cambial oferecendo até US $ 2 bilhões em leilões de linha – venda com compromisso de recompra.

Leilões incluem dinheiro novo. É a primeira vez que o BC realiza uma oferta monetária líquida nesta modalidade desde 17 e 18 de dezembro do ano passado.

O movimento ocorre após uma enorme injeção de liquidez nos mercados pelo Federal Reserve, Estados Unidos & # 39; Banco Central. Na última sessão, o dólar atingiu mais de R $ 5 na alta do pregão.

* Com a Reuters

Veja mais economias de uma maneira fácil de entender: @uoleconomy No instagram.
Ouça podcasts Mídia e Marketing, sobre publicidade e criação, e Líderes do UOL, com os CEOs da empresa.
Mais podcasts do UOL em uol.com.br/podcasts, no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts e outras plataformas.



LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here